"No fundo de tudo há a aleluia." (Clarice Lispector)

sábado, 7 de fevereiro de 2009

outra vez...

Ei-lo!
Esférico,
rosalaranjado
no lusco-fusco
do céu
caminha descendo
à linha do horizonte.
Em metamorfose
de luz e cor,
no desejo eterno
de encontrar a lua,
desaparece outra vez...

3 comentários:

  1. A lua quieta
    no mesmo espaço
    Sabe que ela
    é porque o sol
    a noite manda
    ainda a sua luz
    desde outro lado do mundo.



    Carmen. O que é lusco -fusco.? eu mire nu diccionario e consulté google, nao procure.

    Bejos

    ResponderExcluir
  2. Luminosidade indecisa da hora do crepúsculo.

    ResponderExcluir
  3. Aqui chamamos crepúsculo, o posta do sol.
    Obrigada por incrementar a minha cultura.
    Un bejo

    ResponderExcluir