"No fundo de tudo há a aleluia." (Clarice Lispector)

domingo, 8 de abril de 2007

Eu não sei


... como a semente brota,
eu não sei
por que este céu azul,
eu não sei
para que esta minha vida
porque tudo acontece
de um modo
que a minha mente humana
desconhece.
Vivo sem explicação possível.
Eu que não tenho sinônimo.

(Clarice Lispector/ Um Sopro de Vida)


Um comentário:

  1. Um beijo para você, com sabor de alcachofra!

    ResponderExcluir